Esteatose Hepática

A Esteatose Hepática caracteriza-se por um acúmulo de gordura no interior das células do fígado. Geralmente ocorre em pessoas com colesterol alto, excesso de peso, diabetes, com uso de algumas medicações e pelo consumo excessivo de álcool.

Na maioria dos casos não há sintomas específicos, passando desapercebido na maioria dos pacientes. Por isso é importante a investigação nos pacientes com maior risco.

A gordura no fígado tem 4 fases sendo gradativamente uma mais grave que a outra.


O caso mais grave da doença é a cirrose que pode levar a morte, nos casos mais simples a gordura pode ser controlada com alterações na dieta e com a prática regular de exercícios físicos.

Essas alterações no fígado podem ser detectadas por meio de um exame de sangue que avalia algumas enzimas produzidas pelo fígado.

Caso haja alterações, o médico pode pedir exames complementares como a tomografia, elastrografia hepática, ressonância magnética, ultrassom ou uma biópsia.

Não existem remédios específicos para tratar esse problema, mas o médico pode orientar sobre dietas específicas, prática de exercícios físicos, eliminação do consumo de álcool e o controle das doenças que pioram o problema.

O tratamento deve ser feito por um médico especialista que recomendará a melhor forma para o caso e acompanhará as alterações dos hábitos de vida do paciente!

#esteatosehepática #fígado #cedifi #saúde

Rua Ivan Vigné, 97 - Grupo 101 a 206 - Centro - Nova Iguaçu/RJ - CEP 26255-158 - 21 2768.7259